quarta-feira, 11 de julho de 2012

CRIME ELUCIDADO EM AVEIRO PELO DELEGADO CLEBER PASCOAL


 Dos quatro irmãos detidos apenas dois participaram do crime menor de 16 e Melk de 19 anos, os outros dois não tiveram participação.
Homenagem do Esporte Clube Rodoviário aos jovens mortos dois chegaram a  jogar no clube.
 
 

EDMUNDO  CONHECIDO POR COCÓ PARTICIPOU DO CRIME

Delegado Cleber Pascoal .
  A nossa reportagem recebeu informações, que acaba de ser elucidado o crime dos jovens Paulo Dias Monteiro, Zaqueu Dias Monteiro, Olivaldo Andreson Rodrigues dos Santos, todos mortos Barbaramente por uma quadrilha formados pelos seguintes pessoas que já confessaram.
Os qualificados; menor E.S. A 16 anos que confessou o crime,  Melk Silva 19 anos, esses dois são irmãos e que mais dois irmão que são maior não tiveram participação no crime e foram liberados também participaram da morte e mais Edmundo Rodrigues Campos,conhecido por (cocó), Piraco e Manda os dois de Santa-Cruz e Nildo de Daniel de Carvalho.
Informações do fato ocorrido que, na noite do dia 09/07/2012 do crime, que formaram uma pira caia na praia do camaleão a onde iria os três e uma jovem e mais uma mulher que na última hora desistiu e não foi por que segundo comentário o Paulo Dias o babau iria e ela disse que não ia.
Os três jovens foram surpreendidos pela turma que segundo depoimento de um dos acusados eles colocaram a espingarda em cima do Babau, que sem poder se defender recebeu uma facada e em seguida foi degolado pelo menor.
Já Zaqueu Dias conhecido por boto, também teve arma apontada em sua cabeça teve o pescoço degolado sem piedade foi morto com requinte de crueldade e Olivaldo aonde chegou a se joelhar aos pés dos criminosos implorou que não o matasse porque tinha sua mãe e ainda  queria viver por que não tinha nada haver com as  confusões do babau, os criminosos também executaram Pengue por que ele viu os criminosos.
Os quatro elementos foram recambiados para delegacia pública da cidade de Itaituba a onde ficou a disposição da justiça. O Delgado Dr.Cleber Pascoal, seus investigadores e a Policia Militar fizeram um trabalho elogiável em busca do cumprimento da Lei.
Agora, o pior de tudo é que um dos criminosos chegou a consolar uma senhora, que chorava na hora do velório como podemos mostrar através da foto e o enterro feito de muita comoção, um dos participantes do crime chegou a carregar o caixão de uma das vitimas, sem que as pessoas da comunidade soubessem que no meio deles tivesse um dos culpados pela crueldade que fizeram com seus colegas de comunidade que um dia com certeza em momentos de curtição bebericando chamou de amigo. Portanto chega ao final de uma historia trágica a qual não gostaríamos de escrever, mais é o dever com a sociedade.