quinta-feira, 21 de abril de 2011

JUIZA ELEITORAL JÁ INDENTIFICOU E SUSPENDEU OS NOVOS TITULOS.

TÍTULOS QUE ESTÃO SOBRE INVESTIGAÇÃO DE 2008.
 Já está na cara que pessoas, que não são daqui, acreditem que o povo é besta ou  que tem o nariz furado pro lado. A polícia Federal a traves da delegada  Dra. Graças Malheiros, está investigando aqueles títulos que foram desovado na frente da casa da dona Ana Paz ,que hoje é a presidente do Sindicato dos Funcionário Públicos Municipais de Aveiro. Na eleição suplementar o ex-vereador Luciano Nascimento, juntamente com Dr. Emanoel Bentes, descobriram que mais de 300 títulos de pessoas de Itaituba e outras cidades transferiram seus títulos somente para beneficiar um candidato. E esses trezentos votos transferido e depois votado, poderia fazer a diferencia no final. Logo que foi feito a descoberta, o amigo do Dr. Emanoel Bentes, cuidou de entrar com um pedido de investigação junto a Promotoria Pública e a Juíza Eleitoral Dra. Vanessa Ramos Couto, se comprovada a denuncia da irregularidade,que fosse suspenso todos os títulos.   A credito eu, que só vão parar de fazerem o povo de Aveiro de besta, quando o Termo sair e dar lugar a uma Comarca do Poder Judiciário de Aveiro. Muitas conversas bonitas, dizendo " Eu vou lutar para trazer uma Comarca para está cidade. O povo acredita. Digo aos pilantras das palavras bonitas" Acabou,quem quiser votos,que vá mentir para o inferno". A Magistrada Dra. Vanessa Ramos Couto, esteve na Rádio Comunitária Tropical- FM na cidade de Aveiro, para fazer esclarecimento e um convite aos mesários que atuaram no ano de 2008, para fazer parte de um treinamento que acontecerá 15 dias antes da eleição e das vantagens que os mesários e os presidentes de mesa poderá ter se eles serviram a Justiça Eleitoral. Aproveitando o ensejo este repórter esteve a frente da entrevista e perguntou sobre as transferências feitos em mais de 300 títulos, oriundos da cidade de Itaituba, para votar em determinado candidato. A resposta foi exata e satisfatória. Disse o porta voz da Dra. Vanessa" Sim ! Já foi comprovado e identificados e também enviados alguns Oficio, para o comparecimento dessas pessoas na Justiça Eleitoral, e todos os títulos foram cancelados e as sua numerações grifadas,para quando o eleitor falso for votar ele será impedido e o mesário comunica a policia para ser conduzido a delegacia e posteriormente até a presença do Poder Judiciário. Haverá uma investigação,para saber o porque e a troco de que, levaram essas pessoas a transferir seus títulos para este domicilio eleitoral, Pois, esses eleitores  não residem em Aveiro, e que tem  domicilio em outra cidade,  e depois  vim  privilegiar alguém." Perguntamos Ajuizá, o que acontece quando o eleitor é pego vendendo seu voto? Eleitor pego vendendo seu voto,  ele responde na justiça, assim como o candidato que for pego esse pegará a pena maior,que pode ser até mesmo de prisão como a perca do mandato. Também perguntamos sobre os abusos de poluição sonoro em frente do hospital da cidade, assim como em frente Rádio Comunitária. Comprovado o abuso se filma e grava e denuncia para Promotoria  Pública,que abrirá inquérito para apurar a gravidade do fato.